Arquivo da tag: gluten free

Biscoitinhos tipo sequilhos. Você escolhe, sem glúten ou não

 

O objetivo desse biscoito é servir como base para outros tantos que você poderá fazer.

É um biscoito básico que servirá para auxiliar em sua imaginação, podendo transformá-lo em sem glúten, ou então, ricos em aveia bem como prepará-los de chocolate, bastando fazer pequenas modificações na receita.

Para adicionar aveia, basta substituir a farinha de trigo pela farinha de aveia. Caso deseje acrescentar pedaços de chocolates e, deixar em estilos cookies, acrescente 350g de chocolate meio amargo em pedaços à receita tradicional ou ao sem glúten, não deixando perder suas características.

Gosto pela praticidade, ser relativamente neutro e todas as crianças adoram.

Pratique essa ideia,  faça biscoitos caseiros para seus filhos e sua família. Dessa forma, além de você economizar, também, saberá exatamente o que está comendo.

Abaixo, fiz duas receitas. Uma elaborada com amido de milho, farinha de trigo integral (Tradicional) e, a outra com a substituição para deixá-la sem glúten.

Tradicional:

  • 700g de amigo de milho
  • 300g de farinha de IMG_6669trigo integral
  • 350g de açúcar demerara
  • 300g de manteiga
  • 1und. ovo
  • 200 a 250ml de água

Sem Glúten

  • 700g de amido de milhoIMG_6667
  • 300g de farinha de arroz integral
  • 350g de açúcar demerara
  • 300g de manteiga
  • 1 und. ovo
  • 200 a 250g de água

Preparo:

  • Misturar todos os ingredientes (menos a água) em um bowl;
  • Ir acrescentando a água aos poucos até adquirir a consistência de IMG_6671uma massa homogênea e sem grudar nas mãos;
  • Fazer pequenas bolinhas e colocar direto em uma forma de teflon;
  • Dar pequenas amassadas com o garfo nas bolinhas;
  • Colocar no forno à 200°C por aproximadamente 15 a 20 minutos ou até que o fundo dos biscoitinhos estejam ligeiramente corados. Deixar esfriar antes de retirar da forma;
Anúncios

Bolo super fofo de cacau sem glúten

IMG_6646Esse bolo é mais que prático, é super prático.

Possui apenas 4 ingredientes e você poderá fazer como base para outros bolos recheados, saboreá-lo com aquele café no final da tarde ou então usar base para naked cakes.

Notas importantes:

É um bolo de cacau e não de chocolate. Portanto, para essa receita eu aconselho você usar cacau em pó 100%. Não é difícil de adquirir, mas você terá que ficar atento pois na maioria das vezes o cacau que encontramos é o 50%. Prefira para essa receita o 100% pois nele você saberá exatamente a quantidade de açúcar que levará seu bolo e ele ficará com uma cor muito mais de chocolate.

Ele não possui gordura, portanto ficará mais “seco” que os tradicionais, sendo ideal usá-lo como bolo básico para introduzir coberturas, recheios e base para bolos tipo naked.

O amido de milho pode ser substituído pela farinha de trigo caso você não seja celíaco ou alguma alergia alimentar, eu recomendo se for trocar usar a farinha de trigo integral

Vamos a Receita:

  • 5 ovos
  • 130g de açúcar demerara
  • 30g de cacau em pó 100%
  • 150g de amido de milho

Modo de preparo:

  1. Separas as gemas e bater as claras em ponto de neve;2015-11-06 17.47.37
  2. adicionar aos poucos com a batedeira ligada o açúcar e deixar batendo por mais alguns minutos até que adquiria uma consistência cremosa;
  3. com a batedeira ligada, adicionar aos poucos, o cacau em pó e bater por mais alguns minutos;
  4. com a batedeira ligada, adicionar as gemas e deixar bater por alguns segundos até que homogenize;2015-11-06 17.51.29
  5. desligar a batedeira e colocar aos poucos o amido de minha no bowl da batedeira e ir misturando lentamento com o auxílio de uma espátula;
  6. colocar em uma travessa pequena de teflon para não grudar. Caso não tenha, coloca sob uma travessa forrada com papel vegetal;
  7. colocar em forno à 200°C previamente aquecido por aproximadamente 20 minutos.

Pão de Ló sem GLÚTEN

IMG_5854

Essa massa de pão de ló é para deixar guardada na gaveta. E sempre que você precisá-la fazer a uma pessoa que não pode ingerir glúten.outsidebox

Ou para você mesmo que não pode consumir glúten por algum motivo especial.

O que eu mais gosto nessa massa é que ela desmitifica certos pré conceitos: quando falam que fazer bolos sem glúten é difícil ou fica ruim.

E como é simples fazê-la sem realizarmos grandes alterações.

Aliás, para muitos que ainda insistem em dizer que para certas preparações é necessário o uso do trigo. Acho esse pensamento muito retrógrado em um mundo com tantos alimentos e tanta diversidade,  é diminuir demais a nossa capacidade de transformar o alimento.

Portanto, não fiquemos pensando dentro da caixa. A primeira regra que devemos ter em mente é justamente não pensar dentro dela

Vamos a receita:

INGREDIENTES:

  • 4 ovos
  • 180g de açúcar branco
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 1 pitada de sal
  • 130g de amido de milho

PREPARO:

  • Coloque as claras e as gemas em duas vasilhas separadas. Misture o açúcar com as gemas. Adicione também a baunilha e bata com a batedeira até formar um creme claro e reserve;
  • Bata as claras em neve. Adicione o sal enquanto bate.
  • Misture as claras com o creme de gemas. Adicione o amido peneirado e volva delicadamente;
  • Pré aqueça o forno em temperatura média (190ºC).
  • Untar uma assadeira redonda com aproximadamente 30cm com óleo e amido de milho e despeje a massa.
  • A massa fica pronta em aproximadamente 20 a 30 minutos, ou até que se enfie uma faca afiada e ela saia limpa.
  • Após pronto, retire do forno e, deixe esfriar antes de desenformar.

RESSALVAS:

Fiz a massa não com açúcar branco conforme enalteço na receita, mas sim com açúcar demerara que é ligeiramente mais escuro, o que deixa a massa com uma tonalidade de caramelo conforme podem ver nas fotos. Caso façam com açúcar demerara, primeiramente deverá batê-lo no liquidificador, pois ele é muito grosso para fazer o creme de gemas inicial, podendo estragar a maciez da massa.

A massa tende a ficar com um gosto ligeiramente acentuado de ovo, normal em uma massa de pão de ló desse tipo, onde precisa-se de bastante creme de ovos e claras em neve para dar a aeração a preparação

Pão de Hambúrguer de Polvilho – sem glúten

hamburguer de polvilho

Uma das receitas que todos procuram quando desejam fazer preparações em glúten, é o sagrado e belo pão.

Apesar de Não acreditar em milagres, acredito que possamos fazer receitas muito além do que esperamos.

Infelizmente nos dias de hoje, ficamos muito preso a farinha de trigo o que nos frustra um pouco pelos seus resultados se formos comparar com outras preparações em a farinha de trigo.

A minha ideia nesse pão de hambúrguer é justamente descaracterizar por completo a ideia do pão de hambúrguer tradicional.

Dessa forma, utilizei uma base única de farinha sem glúten que é o polvilho doce. Minha escolha baseou-se em deixar o pão de hambúrguer por fora ligeiramente crocante e lembrando um pouco as características de um pão de queijo.

Partindo dessa ideia, alguns podem até não gostar pois, justamente se fazem do juízo do julgamento do comparativo com o velho pão de hambúrguer que todos comem. O comparativo fica ainda mais discrepante se formos comparar ao pão de hambúrguer do MacDonalds cheio de gorduras trans e flavorizantes natural.

Meu pensamento sobre pão é: que para existir como “filosofia” ele deve ser obrigatoriamente fermentando de forma biológica, seja ela forçada por aditivo de fermento biológico industrializado ou a natural feita principalmente por levain.

Um grande diferencial desse pão, é que ele é um ” bomba” de antioxidantes e gorduras boas pois, coloquei uma grande quantidade de castanhas do Brasil, dando uma característica singular a ele. Como a castanha do Brasil é uma oleaginosa e dado a quantidade que coloquei na receita, não precisei colocar nenhum tipo de gordura no pão.

Mas vamos a receita:

INGREDIENTES:

  • 1 xícara de castanha do Brasil moida
  • 2 xícaras de polvilho doce
  • 1/3 de xícara de farinha de linhaça
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 colher de sopa de açúcar demerara
  • 1 tablete de fermento biológico fresco (15g)
  • 3 ovos

PREPARO:

  • Bater no liquidificador as castanhas do Brasil até obter uma farinha
  • Em uma batedeira com o batedor especial para massas, coloque todos os ingredientes;
  • Bata bastante a massa até que se torne bem homogênea;Pão de polvilho
  • Se a massa estiver muito líquida grudando nas mãos, coloque um pouco mais de polvilho até que a massa fique fácil de moldar.
  • Faça bolinhas de 50g para mini pães de hambúrgueres e de 100 para hambúrgueres tradicionais.
  • Se desejar que a massa fique mais leve, adicione 250g de batata cozida na mistura do pão.
  • Coloque os pães em uma forma untada com azeite e deixe descansar por aproximadamente 2 horas.
  • Coloque em forno a 250ºC por 30 minutos ou até que os pães assem por completo

Espero que tenham gostado.