Arquivo da tag: receita

Fazendo sorvete de Maracujá

Post rápido pois o dia é longo.

Postei um vídeo no instagram fazendo sorvete de maracujá e muitos dos meus seguidores me pediram no privado para eu explicar como eu fazia.
Gente fazer sorvete não tem mistério. O mistério está em deixá-lo não derreter por muito tempo sem colocar muita porcaria dentro.

Resultado de imagem para maracujá

Quanto mais cremoso melhor?

Sim né! Todos nós gostamos de sorvetes bem cremosos. O problema, é que quanto mais cremosos o sorvete é, mais gordura ou liga eu preciso colocar para deixá-lo assim.

Sorvetes caseiros feitos somente a base de fruta, tentem a ter um sabor diferente dos pexels-photo-208147.jpegindustrializados e são menos cremosos.

Isso se dá a diversas maneiras, a principal delas é inserindo gordura trans ou saturada na preparação, porém não me atenderei muito explicando isso. Pois,  o post vai ficar muito longo.

Pois então, como faço sorvetes?

A premissa básica para fazer um sorvete é: partículas minúsculas de gelo.

Porém fazer um sorvete caseiro do zero sem uma máquina de sorvete é muito, mas muito demorado. Especialmente se você está fazendo um sorvete que não leve em sua base polpa de fruta.

Para facilitar o processo, eu uso uma sorveteira simples e básica como essa aqui:

Foto 1 - Máquina Para Sorvete Branca Cuisinart -220v Ice-21

Essas sorveteiras consistem em um bowl de aço com líquido super-gelado dentro e uma pá giratória. Você coloca o líquido dentro, liga a máquina e o recipiente começa a girar junto com a pá. À medida que o recipiente vai girando em contato com o líquido dentro, o líquido congela e a pá vai arrastando a parte congelada para dentro da massa. Formando micro-cristais de gelo.

Depois de um tempo na máquina o suco, transforma-se aos poucos em sorvete e está pronto para saborear!

Só isso?

Mais ou menos. O grande problema é que quando mais líquida e menos gordurosa for a base, mais difícil é de fazer o sorvete ficar: cremoso, consistente e derreter muito rapidamente

Então como faço um sorvete gostoso que não derreta e tenha cremosidade sem entupir minha receita de gordura?

Basta adicionar liga. No meu caso, eu prefiro usar uma liga de amido de milho. É barata, fácil de fazer, prática e não deixa gosto residual.

Então segue a receita da liga básica:

  • 2 colheres de sopa de amido de milho
  • 100ml da receita base do sorvete que você for preparar. Ex.: base do sorvete de morango, base do sorvete de maracujá, base do sorvete de chocolate, etc.

Em uma panela, misture a base do sorvete com o amido de milho. Misture bem até ficar sem grumos. Leve a mistura ao fogo baixo e deixe lá até levantar fervura.

Acrescente essa liga básica para bater no liquidificador junto com a base do sorvete

Afinal, que raio de base é essa?

Vou me atentar à falar da base de maracujá, na qual eu fiz o sorvete.

  • 2 maracujás
  • 800 a 1000ml de leite ou água caso não deseje fazer a receita com leite
  • 6 a 8 colheres de açúcar

Bata, tudo no liquidificador. Separe 100ml desta base para fazer a liga básica.

Depois da liga básica pronta, retorne novamente ao liquidificador para bater tudo e ficar homogêneo.

Levar à sorveteria e aguardar virar sorvete.

IMG_20180122_221142.jpg

É isso!!!

Acharam difícil?

Existem mil maneiras de fazer sorvetes e, essa é apenas uma delas. O importante é o sorvete pronto no final das contas. Postei essa, porque eu acho prática rápida e fácil de se fazer.

Postem aqui suas sugestões de como vocês fazem os sorvetes de vocês.

 

Anúncios

Aprenda a fazer REQUEIJÃO verdadeiramente CASEIRO

IMG_6613

O termo “caseiro” virou mais que moda, é um “mote”.

Porém, muitos não tem a menor ideia de como usar da maneira correta.

Para ser caseiro, devemos usar a menor quantidade possível de ingredientes processados, ultra processados e principalmente corantes e flavorizantes. Devemos obter o sabor de nossas preparações sem a interferência de produtos químicos, mesmo que eles sejam obtidos por meio de produtos naturais.

Movimento Comida de VerdadeComo parte do Movimento comida de Verdade, farei para vocês um requeijão verdadeiramente caseiro.

A receita é muito simples e pode ser feita de diversas maneiras, bastando ter um pouco de criatividade você terá sempre a mãos um requeijão de altíssima qualidade e o melhor de tudo VOCÊ SABE O QUE TEM DENTRO DELE, pois no produto industrializado, quem garante: como foi produzido, onde foi produzido, a maneira como foi armazenado e a quantidade real dos ingredientes ali dentro inseridos.

SEGUE A RECEITA

INGREDIENTES:

  • 350 a 400g de queijo minas padrão
  • 500ml de creme de leite fresco
  • 1 pedaço pequeno de cebola
  • 1/3 de dente de alho inteiro

MODO DE PREPARO:

  • Cortar o queijo em quadrados pequenos, colocar no liquidificador e deixar reservado;
  • Adicionar o creme de leite fresco em uma panela com a cebola e o alho. Colocar em fogo alto até levantar fervura. Quando isso ocorrer apague o fogo e despeje diretamente no copo do liquidificador;
  • Ligar o liquidificador na potência máxima e deixar bater bem até homogeneizar a massa; Logo em seguida colocar na potência baixa e deixar bater por aproximadamente 2 minutos.
  • reservar em potes de vidros já previamente esterilizados.

A receita, rede 3 potes de 200g e custa em média R$5,00 cada pote.

Você poderá guardar os potes no freezer por até 4 meses.

Em geladeira eles duram no máximo 7 dias em geladeira.

Quando for descongelar, utilize uma faca de pão para homogeneizar novamente o requeijão depois de descongelado.

IMG_6595

Pão de Ló sem GLÚTEN

IMG_5854

Essa massa de pão de ló é para deixar guardada na gaveta. E sempre que você precisá-la fazer a uma pessoa que não pode ingerir glúten.outsidebox

Ou para você mesmo que não pode consumir glúten por algum motivo especial.

O que eu mais gosto nessa massa é que ela desmitifica certos pré conceitos: quando falam que fazer bolos sem glúten é difícil ou fica ruim.

E como é simples fazê-la sem realizarmos grandes alterações.

Aliás, para muitos que ainda insistem em dizer que para certas preparações é necessário o uso do trigo. Acho esse pensamento muito retrógrado em um mundo com tantos alimentos e tanta diversidade,  é diminuir demais a nossa capacidade de transformar o alimento.

Portanto, não fiquemos pensando dentro da caixa. A primeira regra que devemos ter em mente é justamente não pensar dentro dela

Vamos a receita:

INGREDIENTES:

  • 4 ovos
  • 180g de açúcar branco
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 1 pitada de sal
  • 130g de amido de milho

PREPARO:

  • Coloque as claras e as gemas em duas vasilhas separadas. Misture o açúcar com as gemas. Adicione também a baunilha e bata com a batedeira até formar um creme claro e reserve;
  • Bata as claras em neve. Adicione o sal enquanto bate.
  • Misture as claras com o creme de gemas. Adicione o amido peneirado e volva delicadamente;
  • Pré aqueça o forno em temperatura média (190ºC).
  • Untar uma assadeira redonda com aproximadamente 30cm com óleo e amido de milho e despeje a massa.
  • A massa fica pronta em aproximadamente 20 a 30 minutos, ou até que se enfie uma faca afiada e ela saia limpa.
  • Após pronto, retire do forno e, deixe esfriar antes de desenformar.

RESSALVAS:

Fiz a massa não com açúcar branco conforme enalteço na receita, mas sim com açúcar demerara que é ligeiramente mais escuro, o que deixa a massa com uma tonalidade de caramelo conforme podem ver nas fotos. Caso façam com açúcar demerara, primeiramente deverá batê-lo no liquidificador, pois ele é muito grosso para fazer o creme de gemas inicial, podendo estragar a maciez da massa.

A massa tende a ficar com um gosto ligeiramente acentuado de ovo, normal em uma massa de pão de ló desse tipo, onde precisa-se de bastante creme de ovos e claras em neve para dar a aeração a preparação

Folhas de cenoura – Uma maravilha esquecida pelos tempos modernos

folha-de-cenoura-620x407

Lembro quando antigamente, há muito tempo, ia na feira do bairro peixoto em Copacabana e tinha um feirante que sempre trazia suas cenouras com suas folhas. Na época, não me dava conta da maravilha que ele vendia e não sabia.

Hoje apesar de raros de serem encontradas nos supermercados, acha-se ainda com certa facilidade em feiras livres e principalmente as de orgânicas.

Se for comprar, prefira sempre as orgânicas por serem mais benéficas a nossa saúde.OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Porém existe uma maneira muito fácil de fazê-las, basta cortar suas bases em um pote de plastico com uma camada de fio de água e pronto, colocar na janela e esperar a mãe Natureza fazer todo seu magnífico trabalho.

As folhas de cenouras, além de possuírem muita fibras são ricas em vitamina C e Beta Caroteno, transformando-as em um alimento extremamente nutritivo e muito saboroso. Aliados a uma salada, você conseguirá enriquecer um prato e ainda dar um leve toque desse incrível sabor.

a17tb03

Não tem salsa? utilize as folhas de cenoura como uma falsa salsa que ficara delicioso. Suas folhas quando picadas assemelham-se a salsa, ficando muito parecido.

crop_carrot

As folhas de cenouras vão muito bem como saladas, e deixam um leve gosto crocante nelas. Experimente nessa deliciosa salada de folhas rusticas com alface roxa, alface americana, folhas de cenoura e chicória. Basta adicionar um delicioso Sour Cream que fica perfeita.

salada com folhas de cenoura

A incrível variedade de pratos que podemos criar com esse alimento me surpreende. Podemos fritar suas folhas e fazermos uma deliciosa tempura de folhas de cenoura.

A receita básica de massa de tempura é: (com essa massa você também poderá fazer bolinhos de cenoura)

Ingredientes:

  • 01 ovo
  • 01 xícara de água gelada
  • 01 xícara de farinha de trigo peneirada
  • sal e pimenta para temperar

Preparo:

Numa tigela média junte o ovo e a água e mexa bem; junte a farinha de trigo, aos poucos, mexendo bem. Utilize a massa enquanto ainda está fresca.

Dicas para a fritura:

  • Para verificar a temperatura apropriada, deixe cair um pouco da massa no óleo quente. Se a massa mergulhar até a metade do nível do óleo e voltar à superfície a temperatura está ideal.
  • Quando estiver retirando a fritura do óleo, não sacuda. Simplesmente, mantenha um pouco acima do óleo por alguns instantes, até que escorra.

Bolinho-de-Cenoura-com-Folhas

Tortilhas de Farinha – Prática e Fácil (passo a passo)!!!

tortillasHarinaTortilhas de Farinha!!!

Atenção queridos leitores: por favor peço que não confundam essa receita com Tortilhas de milho que são originalmente feitas com farinha de milho branco. milho-branco-17798316

Originalmente as Tortilhas são pressionadas em uma prenssadeira de trotilha a Tortilla Press (muito comum na América do norte)tortilla

A receita rende aproximadamente 35 Tortilhas de 15cm.

Ingredientes:

  • 1kg de Farinha de Trigo + 1kg para manipular as tortilhas na hora de prensar;
  • 300 ml de óleo
  • 1 colher de sopa de fermento químico
  • 1 colher de sopa de sal
  • 300 ml de água morna

Preparo:

  • Misturar todos os ingredientes secos em 1kg de farinha de trigo;
  • depois ir acrescentando o óleo e a água aos poucos;
  • sovar bem a massar e seguir conforme a ilustração
  • utilizar uma frigideira quente e seca para fazer as tortilhas conforme as ultimas 3 fotos.

Bom proveito!!!

Amêndoas Caramelizadas para adoçar nosso Natal!

benefícios-das-amêndoas

Fácil, simples, prática e muito deliciosa.

As amêndoas são típicas no Natal Europeu e lentamente foram conquistando o gosto dos brasileiros.

Ela é um fruto oleoginoso e portanto possui quantidades significativas de “gorduras boas”, mas justamente por ter ótima quantidade de gorduras que devemos comer com cautela para a balanção não se desequilibrar.

Segue a receita:

– 300g de açúcar (aproximadamente)amendoas

– 350g de amêndoas com casca

PREPARO:

– Coloque tudo em uma frigideira aberta;

– adicione um pouco de água (1/2 copo aproximadamente);

– adicione as amêndoas e o açúcar;

– mexer bem até que a água evapore e o açúcar se cristalize;

– esperar esfriar e separar as amêndoas agrupadas

Você pode acrescentar a essa maravilha, canela em pó. Ela dará um gosto todo especial a preparação

Moço, que maça é esta???

nectarina

Essa me causou um certo espanto. Aconteceu quando estava no caixa de um Hortifruti.

O caixa olhou para mim e perguntou: “Moço, que maça é esta?”

Eu olhei para ele sem entender nada, afinal não tinha nem comprado maça. Rapidamente, olhei  todas as minhas compras, pois poderia ter pego alguma maça sem ter percebido. Já que a idade está chegando né…

nectarina (1)

Foi então que ele me aparece na mão com duas Nectarinas Nacionais.

Após explicar para ele que se tratava de um fruto da família dos pêssegos, ele me olhou com cara de espanto e comentou: “mas poxa, parece muito com uma MAÇA…”

Fiquei pensando a total falta de treinamento que as redes de supermercados e grandes varejistas possuem.

Não é uma crítica é apenas uma realidade presente. O garoto nem deve estar acostumado a consumir frutas, pois para ele isso é artigo de luxo. Pois bem, voltamos ao que interessa.

Breve Estarei colocando uma receita que fiz com que comprei, uma Clafoutis de Nectarina.

A CLAFOUTIS, é uma sobremesa clássica francesa. Podendo ser feita com inúmeros frutos. Sua variação mais famosa é a de Cereja

nectarina2